Saudações dos que ficaram

Nos deixou na noite de ontem, 27 de Março, o jornalista, escritor, dramaturgo, humorista, poeta, desenhista e carioca Millôr Fernandes , aos 88 anos, em sua casa, no Rio de Janeiro, com falência múltipla dos órgãos e parada cardíaca.

E para homenagear  esse que foi um dos nossos mestres da comunicação, deixamos aqui boas lembranças a saudações da Equipe Ponto Com;

  • Probleminhas terrenos: Quem vive mais, Morre menos ?
  • Viver é desenhar sem borracha.
  • Claro, sabemos muito bem que VOCÊ, aí de cima, não tem mais como evitar o nascimento e a morte. Mas não pode, pelo menos, melhorar um pouco o intervalo?
  • Todo homem nasce original e morre plágio.
  • Celebridade é um idiota qualquer que apareceu no Faustão.
  • “Eu também não sou um homem livre. Mas muito poucos estiveram tão perto.”
  • “A infância não, a infância dura pouco. A juventude não, a juventude é passageira. A velhice sim. Quando um cara fica velho é pro resto da vida. E cada dia fica mais velho.”
Anúncios

Dê sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s